close

Amiga se recusou a mentir para ajudar Lauany após morte de Núbia

Redação Pop Mundi 08/11/2017 18:19

O Ministério Público indicou onze testemunhas para que sejam ouvidas pela justiça durante o processo de acusação contra os três envolvidos no assassinato da comerciante, Núbia Ribeiro, de 21 anos.

Entre elas, estão o pai de Leonardo Goncalves Cantieri, de 20 anos, a mãe da vítima, Tânia Ribeiro e um policial civil.

Na relação ainda aparece o nome de uma jovem apontada como amiga de Lauany Viodres do Prado e que segundo a denúncia foi procurada pela estudante de direito para confirmar de que na noite do crime as duas estavam juntas em um show.

O contato foi feito via mensagem eletrônica e a jovem se recusou a mentir para favorecer Lauany. As conversas foram gravadas e os documentos impressos fazem parte do processo.

Além desta, outras provas também estão anexadas e serão usadas contra os réus. Lauany Viodres teria planejado crime, manipulado o namorado Leonardo  e o casal contou com a ajuda do amigo do casal, Ítalo Vinicius Neves, para assassinar a comerciante por ciúmes.

Os três envolvidos foram se tornaram réus pela morte de Núbia, devem continuar presos até que seja definida a data do julgamento.


Podcasts
07/12/2017
Bom Prato já serviu mais de 900 mil refeições em Franca
06/12/2017
Professora deu ordem para colocar alunos em sacos de lixo
03/12/2017
"Estamos pedindo socorro" diz vítima que teve casa invadida no Zanetti
22/11/2017
Frentista assaltado oito vezes desiste da profissão
22/11/2017
Sargento Bueno fala da prisão de três traficantes
Radares em Franca

Av. Dr. Helio Palermo 60 km/h

Av. Brasil 60 km/h

Av. Alonso Y Alonso 60 km/h

Rod. Tancredo Neves 60 km/h

Av. Presidente Vargas 60 km/h

Av. Antonio B. Filho  60 km/h

Clima em Franca