close

PM prende suspeito de participar do latrocínio no Jardim Paullistano

Marcos de Paula 11/01/2018 13:01

A Polícia Militar prendeu um dos suspeitos de participar do assalto que terminou com a morte do empresário Vilmar Antônio de Souza, 43.

O roubo aconteceu na última segunda-feira (8) na residência da vítima no Jardim Paulistano. Na ocasião três criminosos em um GM Vectra participaram da ação. Vilmar foi baleado nas costas. Os bandidos que usaram uma arma de fogo para intimidar a família, roubaram uma caminhonete, celular e dinheiro.

Nesta quinta-feira (11), os cabos Arcari e Natael receberam informação anônima que, o vulgo “Didi” morador no mesmo bairro do latrocínio, estaria vendendo um celular pertencente à uma das vítimas. O local onde o suspeito reside, no Paulistano ll, também é conhecido como ponto de tráfico.

Na casa do suspeito os militares encontraram a capa do celular que ele já havia vendido, R$ 1,5 mil e U$ 2. Mesmo negando a autoria do crime, ele foi conduzido até a sede da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), onde as vítimas foram chamadas e reconheceram ele sem sombra de dúvidas como um dos autores do latrocínio, e a capa do telefone também foi reconhecida.

O delegado Marcio Murari solicitou a prisão preventiva do suspeito junto ao Fórum e aguarda a decisão do magistrado.

Assista o momento em que o empresário e família são rendidos

 


Podcasts
16/07/2018
"Porque ele fez isso?", diz mulher que viu o marido em chamas; Ouça!
14/07/2018
PM apreende drogas vindas de SP em Franca
14/07/2018
Pastoral do Menor assume atendimentos do Abrigo Provisório
13/07/2018
Conseg, Vigilância e PM fecham bares em Franca
10/07/2018
Jovem que esfaqueou empresário é indiciado por tentativa de homicídio
Radares em Franca

Av. Dr. Helio Palermo 60 km/h

Av. Brasil 60 km/h

Av. Alonso Y Alonso 60 km/h

Rod. Tancredo Neves 60 km/h

Av. Presidente Vargas 60 km/h

Av. Antonio B. Filho  60 km/h