close

Filha de prefeito assassinado fica frente a frente com acusado; Veja!

Redação Pop Mundi 12/03/2018 09:21

Começou nesta segunda-feira (12), após 19 anos, o último julgamento envolvendo o assassinato do ex-prefeito de Igarapava (SP), Gilberto Soares dos Santos - o Giriri - morto com 11 tiros em 10 de outubro de 1998. 

Sérgio Augusto de Freitas é acusado de ser o mandante do assassinato de seu antecessor. Giriri cumpria o segundo mandato, quando foi sequestrado por cinco homens armados. Segundo depoimentos de familiares o grupo invadiu uma chácara, amarrou e trancou em um banheiro a mulher de Giriri, os quatro filhos e uma cunhada.

O juiz Lucio Alberto Enéas da Silva Ferreira, do Fórum de Franca determinou a realização do júri para às 9 horas, quando foi possível ver a presença do promotor Adriano Vanderlei Mellega, das testemunhas, sendo cinco de defesa, das quais duas residem em Uberaba (MG) e outras cinco de acusação.

De branco, o réu Sérgio Augusto de Freitas acusado de ser o mandante do crime

Rubiana Maria Custódio da Silva, filha de Giriri e advogada vai participar do júri como assistente de acusação e falou com repórter Samuel Cintra, pela Rádio Imperador e Pop Mundi, momentos antes de ficar frente a frente com o responsável pela morte do pai. Segundo ela, mesmo após quase duas décadas, a esperança está na Justiça. "Mesmo preso a família dele poderá visitar ele na cadeia. E eu vou visitar meu pai no cemitério... Para o amor não existe prazo e para a Justiça também não", assista. 


Podcasts
14/08/2018
Ladrão leva 7 minutos para furtar caminhonete no Esmeralda; VEJA!
13/08/2018
Câmeras flagram suspeitos tentando invadir casas no Polo Clube; VEJA!
11/08/2018
"Olimpíadas de Medicina" terão mais de 3 mil atletas em Franca
10/08/2018
Mulher morre afogada ao cair em piscina na Vila Industrial
10/08/2018
Ladrão leva até câmeras de segurança de barracão e dono reclama