close

Aposentada resolve se prostituir e leva calote de quase R$ 600; Ouça!

Marcos de Paula 07/09/2018 13:28

Uma aposentada de 51 anos, moradora no Ana Dorotéia, que está se prostituindo há dois meses, segundo ela mesma contou, procurou a polícia para denunciar um motorista de caminhão caçamba de 49 anos, morador no Santa Efigênia.

O motivo seria o não pagamento de 5 programas sexuais, o valor ultrapassa os R$ 500, de acordo com a mulher. Ela disse que acreditou na promessa do homem que havia prometido lhe tirar dessa vida, e acabou sendo xingada e humilhada.

Foto: Marcos de Paula/Pop Mundi

Em conversa com o repórter Marcos de Paula, a aposentada disse que optou por essa vida por não conseguir trabalho. “A gente aposenta e não consegue mais emprego, aí resolvi fazer programas para ajudar a criar minha filha”, disse aos prantos.

Ouça a entrevista

O boletim de ocorrência vai ser encaminhado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e o motorista que não pagou pelos prazeres sexuais deve ser intimado na próxima semana.


Podcasts
25/09/2018
Empresa aplica golpe e deixa noivos sem festa de casamento; Ouça!
25/09/2018
Pichadores atacam ponto de táxi e prédio da antiga Mogiana
25/09/2018
Crianças poderão "multar" pais que cometem infrações no trânsito
24/09/2018
Prefeitura investe R$ 50 mil na revitalização da praça na Estação
22/09/2018
"Eu achei que ia morrer" diz mulher atropelada na calçada; Ouça!