close

Projeto social entrega uniformes a alunos de creches na região

Redação Pop Mundi 08/11/2018 17:13

Iniciativa do Fundo Social de Solidariedade do Estado (Fussesp), o projeto Costurando o Futuro acontece em cinco municípios da região de Franca, entre eles Guará, Ituverava, Miguelópolis, Patrocínio Paulista e Ribeirão Corrente.

O principal objetivo da ação, que faz parte da Escola de Moda do Fussesp, é produzir uniformes escolares para oferecê-los gratuitamente às crianças que frequentam as creches municipais. Para cada aluno, será entregue um kit de uniforme escolar, com duas camisetas, uma bermuda e um abrigo de inverno. Na região serão confeccionados, inicialmente, 900 kits.

Oficina do Projeto Costurando o Futuro em Guará-SP (Foto: Divulgação)

“Mais do que oferecer um vestuário, estamos colaborando com a autoestima e a segurança das crianças matriculadas nas creches”, afirmou a professora Lúcia França, presidente do Fussesp. 

Ainda em entrevista ao repórter Thiago Garcia, pela Rádio Imperador e Pop Mundi, a professora ainda ressaltou que esse é um projeto completo "É um projeto lindo... Primeiro porque capacita as pessoas dentro da Escola de Moda, depois essas pessoas serão multiplicadoras no município fazendo os uniformes paras creches... Essas costureiras têm uma contrapartida, uma ajuda de custo e o Fussesp fornece todo o material para confecção desses uniformes", completou Lúcia França. 

Os municípios que assinaram convênio com o Fundo Social do Governo do Estado indicaram um multiplicador para ser capacitado de acordo com os moldes desenvolvidos pelo Fussesp. Eles também receberam um repasse financeiro para aquisição de máquinas de costura, material de consumo como tecidos e linhas, insumos para a capacitação e pagamento de bolsa-auxílio aos participantes. 

O número de kits entregues por cidade varia conforme o total de habitantes. Em todo o Estado de São Paulo, 243 cidades aderiram ao projeto Costurando oFuturo. "A gente gera mão de obra, capacita e dá para as pessoas uma função, ensina para que ela possa continuar fazendo não só os uniformes, mas costurando para as pessoas do município", completou a professora. 

Ouça: 

Mais informações pelo telefone: (11) 2588-5956. 


Podcasts
13/11/2018
Adolescente fala da mãe assassinada após ataque em Frutal
13/11/2018
"Está insuportável", diz padre que deseja cercar a Catedral
13/11/2018
Instituto Pró-Criança define calendário de cursos para 2019
13/11/2018
Sesi Franca garante vaga nas semifinais do estadual Sub-19
12/11/2018
Idosas de Franca conquistam título no vôlei adaptado