close

Programa Renda Brasil terá benefício médio de R$ 247

Redação Pop Mundi 24/08/2020 19:01

A proposta do Ministério da Economia para substituir o Renda Mínima chega ao presidente Bolsonaro como Renda Brasil e plano de extinção da farmácia popular e abono salarial. O novo programa social terá benefício médio no valor de R$ 247 e prevê mudanças no atual formato.

A principal delas é o retorno da transferência de renda ao término do auxílio emergencial e ampliação do número de beneficiários do Bolsa Família. Também vem associado a um novo programa de emprego, batizado de Carteira Verde e Amarela, que prevê imposto negativo e a desoneração da folha de pagamentos, com redução dos encargos sobre salários.

Segundo o ministro Paulo Guedes, só será possível ampliar o benefício dos atuais R$ 190 para R$ 247 são necessários R$ 52 bilhões por ano. Os recursos viriam do já vigente Bolsa Família e com reforço pela extinção de programas considerados ineficientes.

Entre eles, o abono salarial para quem ganha até dois mínimos, que tem entre os benefíciários, jovens de classe média em início de carreira; o salário-família pago a trabalhadores autônomos que contribuem com a Previdência e o seguro-defeso, pago a pescadores em época de pesca proibida.

E eliminaria, ainda, o programa Farmácia Popular, que distribui medicamentos de uso corrente, como para diabetes, hiipertensão e asma. Para o governo, esse programa benefícia a todos, independemente da renda.


Podcasts
24/10/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
23/10/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
22/10/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
21/10/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
20/10/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje