close

PM atendeu 185 chamados pela Patrulha Maria da Penha

Redação Pop Mundi 14/09/2020 17:25

Implantada em Franca pela Polícia Militar, por solicitação da deputada estadual Delegada Graciela (PL), a Patrulha Maria da Penha segue realizando atendimentos e combatendo a violência doméstica, em um trabalho que ajuda na preservação da integridade física das mulheres e salva vidas. Desde junho, em Franca, já foram realizados 185 atendimentos.

Com vasta experiência e reconhecida atuação na defesa das mulheres, Delegada Graciela atuou como titular da DDM de Franca por mais de 25 anos e conhece de perto o problema da violência doméstica. A solicitação da deputada Graciela para que a Polícia Militar implantasse a Patrulha Maria da Penha em Franca teve justamente o objetivo de coibir o descumprimento de medidas protetivas judiciais.

Desde o início dos trabalhos, em junho, a Patrulha Maria da Penha realizou em Franca, no total, 185 atendimentos, prestando assistência e fazendo visitas periódicas às mulheres e também orientando os homens sobre a necessidade do cumprimento das medidas protetivas – a desobediência pode levar à prisão. A Patrulha Maria da Penha já prendeu quatro homens em Franca pelo descumprimento das medidas protetivas.

Segundo dados da Polícia Militar, desde junho, foram assistidas 91 mulheres, prestadas orientações a 68 homens, elaborados 20 boletins de ocorrências, além das prisões efetuadas por descumprimento da medida protetiva judicial. A deputada Delegada Graciela destacou o trabalho que vem sendo realizado pela Polícia Militar e que a ação preventiva está ajudando na preservação de vidas de mulheres.

“A medida protetiva resguarda uma mulher que já enfrenta uma situação de perigo de agressão ou até de risco de morte. A Patrulha é um serviço efetivo, por isso a minha solicitação para implantá-la, atendida pela PM, que vem realizando um ótimo trabalho”, disse a deputada Graciela.

O oficial responsável pela Patrulha, capitão Tiago Melo, concordou com a deputada quanto à importância do serviço e destacou que o trabalho seguirá firme. “A Patrulha Maria da Penha, da Polícia Militar, implantada recentemente no município de Franca, após três meses de atuação sistêmica com os demais órgãos municipais e estaduais, apresenta o resultado nos acompanhamentos das medidas protetivas judiciais que são expedidas para vítimas de violência doméstica”, disse o capitão.


Podcasts
28/09/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
26/09/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
25/09/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
24/09/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje
23/09/2020
Padre Marcelo: ouça o programa de hoje